A ansiosa

Marta gosta de escrever.

(E não tem a menor desenvoltura para fazer vídeos. É por isso que faz uma coisa e não outra.)

Teoriza tudo. Tipinho de humanas. Odeia quartas-feiras. Leva jogos de tabuleiro e de videogame muito a sério. Se pudesse votar em 1993, teria votado no Rei. Nunca acerta escrever a palavra protoclo protcolo protoloco protocolo de primeira. Tem paixão por caixinhas. E se apega a detalhes do tipo “Percy não reconheceria uma piada nem se ela dançasse pelada na frente dele, usando só o abafador de chás do Dobby na cabeça”.